quarta-feira, 25 de julho de 2012

Feixe de luz, de escuridão


Um dia me perdi e no outro me encontrei
Me permiti, me entreguei
E assim aconteceu.

Vastidão

Somos um ponto, exclamação, interseção
De alinhamento perfeito, profusão
Equilíbrio e inesquecível.

Intenso

Amor se fez?! Eu não sei.

Dançamos no nosso ritmo e no nosso compasso
Saímos do tom sem razão, mas com emoção.

Somos um feixe de luz
e, às vezes, de escuridão.


*******

Não há perfeição entre nós, há o entendimento e a compreensão. Ora você cede, ora eu! Somos tão diferentes, tão iguais... Seu cheiro, leveza, suavidade, doçura... trazem encantamento para nossas vidas. E esta não é a primeira vez que nos encontramos. Já estivemos juntos em outras vidas e em outras e em outras...